segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

“FOGO E FÚRIA”: O livro que abalou o governo Trump está em pré-venda

Com extraordinário acesso aos assuntos da Casa Branca, o jornalista Michael Wolff revela os bastidores do governo de Donald Trump, o presidente americano mais controverso da história. Graças ao contato privilegiado com o primeiro escalão do governo do país mais rico do mundo, o autor pinta um quadro assustador de despreparo, desorganização, assédios, vaidades e guerra contra a mídia (acusada de fabricar as fake news), contra o Partido Democrata e até contra o conservador Partido Republicano, do próprio presidente. Com base em mais de duzentas entrevistas, Wolff apresenta com riqueza de detalhes revelações como:
•         TRUMP E SEUS ASSESSORES MAIS DIRETOS NUNCA ACREDITARAM QUE GANHARIAM A ELEIÇÃO
•         NINGUÉM NA EQUIPE DE DONALD TRUMP ACREDITA QUE ELE TEM CAPACIDADE PARA GOVERNAR OS EUA
•         NINGUÉM ENTENDE O RELACIONAMENTO DE TRUMP COM A MULHER MELANIA
•         A FILHA IVANKA CONTA COMO DONALD TRUMP FAZ O PENTEADO PECULIAR DE SEU CABELO
•         O AUTOR REVELA QUE A POLÍTICA MODERNA SE FAZ MAIS COM O CONFLITO DO QUE COM O CONSENSO
Fogo e Fúria é um livro fundamental para entender o mundo da política contemporânea.
Acompanhe um pouco da repercussão do livro:
O Globo: Livro sobre a Casa Branca de Trump entra em pré-venda esta semana
UOL: Manipulável, iletrado e sem noção do trabalho: Como é o Trump do livro “Fire and Fury”
Nexo: O que há no livro que Trump tentou censurar
Terra: Autor de livro diz que suas revelações derrubarão Trump
Folha: Livro sobre Donald Trump desperta horror e ceticismo

domingo, 31 de dezembro de 2017

9 coisas que "Divertida Mente" nos ensina sobre o cérebro


"Divertida Mente", animação sucesso de público e crítica da Disney e Pixar, conta a história de Rilley, uma garota de 11 anos que enfrenta uma série de mudanças em sua vida. A principal delas foi sair de sua cidade natal, no estado de Minnesota (EUA), para morar em San Francisco, Califórnia. O enredo se desenrola dentro da cabeça da menina, onde cinco emoções Alegria, Tristeza, Medo, Raiva e Nojo, são responsáveis por processar as informações e armazenar as memórias. Pete Docter dirige a produção, ele procurou ajuda de psicólogos e neurologistas durante a preparação do roteiro.
Confira abaixo nove conceitos trabalhados nas cenas que encontram respaldo na ciência. Eles podem dizer muito sobre como você enxerga o mundo e lida com as coisas ao seu redor.

1. As memórias são fixadas pelas emoções 
Durante o filme, os cinco sentimentos ficam dentro de uma sala, onde acompanham tudo o que acontece com Rilley. Os principais eventos do dia são guardados em esferas — a representação de nossas memórias. Cada uma delas tem uma cor e está relacionada com o sentimento mais forte daquele momento. Pode ser alegria, tristeza, raiva… Já se sabe que as lembranças são fixadas no cérebro junto com um estado de humor. “Todas as recordações que temos, sejam elas boas ou ruins, trazem consigo sentimentos”, explica a neuropsicóloga Cleide Lopes, do Centro de Longevidade do Hospital 9 de Julho, em São Paulo.
2. Não existe sentimento melhor ou pior 
Apesar de preferirmos os momentos alegres de nossa vida, cada emoção tem a sua importância — e é necessário saber usá-las da melhor forma possível diante dos desafios. “Precisamos ter alegria no momento certo e dar passagem para a tristeza em determinadas ocasiões. O problema ocorre quando os sentimentos ultrapassam os limites”, esclarece a especialista. 
3. A tristeza é necessária 
A personagem Alegria tenta, a todo o momento, sufocar e ignorar a Tristeza. “A animação faz uma crítica ao mundo atual, em que precisamos estar felizes o tempo todo, a qualquer custo”, comenta Cleide. Há ocasiões em que um pouco de melancolia é essencial para encarar e lidar com as dificuldades que surgem em nossa vida. 
4. O medo nos faz sobreviver, assim como o nojo
Esses dois sentimentos nos livram de grandes enrascadas. O medo impede que entremos na jaula do leão durante uma visita ao zoológico. O nojo, por sua vez, não deixa a gente comer um lanche apodrecido. “O segredo está em equilibrar as emoções e não permitir, por exemplo, que o temor nos impeça de sair de casa”, exemplifica a neuropsicóloga.
5. Muita alegria é ruim 
O exagero na felicidade faz o indivíduo perder a noção das coisas: é como se tudo fosse mais florido do que a realidade. Em Divertida Mente, a personagem Alegria não cansa de ver as coisas com extremo otimismo — mesmo quando a situação exige um pouco de medo, tristeza, nojo ou raiva.
6. A raiva impede injustiças
Calma, ninguém está falando que gritar e quebrar tudo são soluções para os problemas. Mas especialistas na área de psicologia concordam que esse sentimento tem o potencial de indignar e corrigir eventuais injustiças. O segredo, mais uma vez, está no equilíbrio. “A raiva estimula o sujeito se defender. Mas se ultrapassa os limites, ela se tornar destrutiva”, analisa.
7. Há memórias que acabam apagadas — e esquecer pode ser algo bom 
É natural que certas recordações sejam esquecidas com o passar dos anos. No filme, esferas que não são utilizadas vão parar num lixão e viram poeira com o tempo. Isso acontece com muitas informações que processamos ao longo de um dia e de toda a nossa vida — você provavelmente não se lembra muito bem do que comeu no último dia de janeiro. Esse dom do esquecimento também é útil para lidar com situações traumáticas e difíceis: o cérebro vai, aos poucos, apagando os detalhes do fato ruim como uma maneira de lidar com a situação. 
8. A memória define (e influencia) a sua personalidade
Outras recordações, porém, são muito importantes e determinam boa parte de nossa personalidade pelo resto da vida. Em Divertida Mente, elas são as memórias base, as esferas em que estão guardados os momentos especiais da vida de Rilley — a brincadeira com os pais, o jogo de hockey com as amigas… No nosso cérebro, as lembranças são processadas numa região chamada hipocampo, que converte memórias de curto em longo prazo. 
9. Nós temos um verdadeiro arquivo de memórias 
Na animação, quando Alegria e Tristeza saem do escritório central das emoções, elas visitam a região onde as esferas estão estocadas em prateleiras. Na nossa massa cinzenta, as recordações estariam organizadas de uma forma parecida: elas ficam próximas uma da outra por associação. Exemplo: quando queremos lembrar o nome de uma flor específica, pensamos que ela é avermelhada, tem muitas pétalas e seu cabo é cheio de espinhos. Pronto, é a rosa. “Nossas memórias são armazenadas como um arquivo, por semelhança”, resume Cleide.
Fonte: revista Saúde

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Nando Reis conquista prêmio no 18° Grammy Latino

Com o mais recente trabalho, que tem passado por diversas cidades do país, Nando Reis levou para casa o prêmio do 18° Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Rock ou de Música Alternativa em Língua Portuguesa, com o disco "jardim-pomar", que aconteceu em 16 de novembro, em Las Vegas.
Em seu recente disco, o artista presenteou ao público um álbum preenchido com funk, rock e balada. Violões, guitarras, baixos, baterias, teclados, sopros e cordas encorpam e dão forma e textura ao décimo álbum solo do cantor. O disco foi moldado com muito cuidado e de uma forma diferente de seus outros trabalhos. São onze faixas totalmente inéditas, "Concórdia" é a exceção, que foi gravada há 10 anos por Elza Soares.
Além disso, a conquista do prêmio traz visibilidade ao trabalho independente de Nando Reis, que está à frente de todos os processos de sua carreira, demonstrando a força do cenário atual no mercado da música nacional.
Nando também foi indicado na categoria Melhor Canção em Língua Portuguesa com "Só Posso Dizer", mas foi a dupla Anavitória que levou com a faixa "Trevo (Tu)", com participação de Tiago Iorc.

terça-feira, 7 de novembro de 2017

Nikolaj Coster-Waldau, o Jaime de Game Of Thrones, estará na CCXP 2017

Ator dinamarquês participa de painéis e ações especiais sobre uma das séries mais aclamadas de todos os tempos


A Comic Con Experience (CCXP), que se tornou a maior comic con do planeta em 2016 ao reunir um público recorde de 196 mil pessoas, confirma a presença de Nikolaj Coster-Waldau, o Jaime Lannister de Game of Thrones, em sua quarta edição, que acontece entre os dias 7 e 10 de dezembro no São Paulo Expo.

O ator, que estará no evento nos dias 8, 9 e 10 de dezembro, participa de painéis especiais sobre Game of Thrones, uma das séries mais importantes da atualidade, aclamada por crítica e público, além de sessão de fotos e autógrafos, cuja programação será divulgada em breve.
Depois de estrelar alguns papéis na Dinamarca, Coster-Waldau começou sua carreira nos EUA em 2001 no filme Falcão Negro em Perigo, de Ridley Scott. Depois, atuou no filme Enigma de Michael Apted.
Em 2005, fez uma participação em Cruzada, outra produção de Scott, e no ano seguinte trabalhou no filme Firewall - segurança em risco, de Richard Loncraine.
Em 2011 se tornou Sir Jaime, irmão gêmeo de Cersei Lannister e comandante da Guarda Real da Casa Lannister, em Game of Thrones, por sete temporadas. O ator também estará na temporada final da série, ainda sem data definida de estreia.

A CCXP terá sua quarta edição entre 7 e 10 de dezembro de 2017 no São Paulo Expo e espera receber mais de 220 mil visitantes. Os ingressos de sábado (9/12) e pacote de 4 dias já estão esgotados. Os ingressos para quinta, sexta, domingo, Full Experience e Epic Experience estão à venda pelo site com preços a partir de R$ 99,99. Para saber mais, acesse:

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

"Mãe!"

O novo filme de Darren Aronofsky é daqueles que te deixa refletindo muito sobre a vida. É praticamente entregue para que cada pessoa desfrute e tire suas próprias conclusões sobre a história. A explicação não vem pronta. Quem entender, entendeu.
Um ponto central é sua interpretação para as histórias contadas na Bíblia.

No longa "Mãe" acompanhamos o tempo todo a visão da personagem de Jennifer Lawrence, que se supera neste papel. Além da imagem dos fluxos de consciência da personagem, que passa por todas inseguranças, fragilidades e as pequenas e grandes violências associadas à condição de ser mulher, esposa e mãe, o diretor deixa a câmera ao ombro da atriz e da altura do seu olhar. Acompanhamos tudo como se estivéssemos na pele dela.

O ator Javier Bardem nos deixa tão intrigados quanto ela, no que diz respeito as ações de seu personagem. Ele precisa ser reconhecido, idolatrado e por isso não se importa com o caos em sua casa, afinal, ele a quer cheia de vida. Ele age e quem sofre as consequências é ela, a Mãe.
E o filme é muito explícito e até violento em mostrar tudo o que ela sofre e qual o limite de tanto  sofrimento.

Darren comentou as diversas camadas de interpretação – religiosas, políticas e sociais – da obra, que tem gerado discussões desde a première mundial no Festival de Veneza.
“A mensagem de que temos de cuidar do nosso planeta está nas escrituras, e até o Papa tem falado sobre essa questão. Em algum momento, parece que nos esquecemos dela”, disse Aronofsky. “Mas o que está por trás do filme é a esperança.”


O filme é classificado como "Terror", mas tem muita profundidade e uma ideia genial. Um retrato nunca visto antes e que dificilmente será superado ou esquecido. Uma obra marcante, goste ou não.
Confira o trailer.

Trailer de "A Guerra dos Sexos"

Foi divulgado o trailer de "A Guerra dos Sexos", filme que conta a história da tenista Billie Jean King (Emma Stone), que desafia um veterano do esporte (Steve Carell), em 1973. A disputa se tornou o evento esportivo mais assistido de todos os tempos e começou uma grande discussão sobre igualidade de gêneros na época.
Sarah Silverman (Masters of Sex) vive Gladys Heldman, fundadora de uma revista sobre tênis e Austin Stowell (Whiplash) é Larry King, marido da tenista Billie Jean. Jonathan Dayton e Valerie Faris são os diretores e Simon Beaufoy assina o roteiro.

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Querido Dane-se | Kéfera Buchmann

“Querido Dane-se” é o terceiro livro de Kéfera Buchmann. Após “Muito Mais que 5inco Minutos” e “Tá Gravando, e agora?” a atriz, youtuber e escritora lança sua primeira obra de ficção.
A história acompanha Sara, uma estilista que está prestes a completar 30 anos e sofre com medo de não encontrar um amor. Ela então precisa se reinventar para encontrar a felicidade.

Confira a sinopse abaixo:
“Sara tem muitos sonhos, mas também vários problemas para enfrentar. Para começar, seu namorado acabou de uma hora para outra com ela, e por WhatsApp! Pouco depois, ela descobriu que o desgraçado está namorando uma socialite linda e admirada por muitos. Parou por aqui? Não: Sara, que é estilista de formação, mas trabalha como costureira, atualmente está de plantão na casa dessa socialite, arrumando as roupas dela.
Enquanto lida com o ressurgimento do ex e tenta voltar a achar graça na solteirice, Sara sofre com seu maior medo: fazer 30 anos sem achar a sua cara-metade. Entre lágrimas e muita risada, no entanto, Sara começa a repensar sua vida. E a perceber que está diante de uma pessoa cujos anseios e gostos conhece pouco: ela mesma.
Querido dane-se é a primeira ficção de Kéfera Buchmann, que, sem abandonar o bom humor de sempre, fala sobre autoestima, empoderamento e a importância de compreender os próprios desejos para se tornar alguém feliz.”

O lançamento será no dia 9 de setembro, mas já é possível reservar na pré-venda. Para comprar, clique aqui.

E em novembro estreia o novo filme de Kéfera, "Gosto Se Discute", estrelado por ela e Cassio Gabus Mendes.
Veja o trailer.


quarta-feira, 23 de agosto de 2017

BASTIDORES DO EPISÓDIO “BEYOND THE WALL” DE GAME OF THRONES

Após mais um episódio de Game of Thrones, a HBO liberou o vídeo com os bastidores de gravação, com depoimentos da equipe.
D. B. Weiss, produtor da série, comentou sobre a sequência final de “Beyond the Wall”, em que Viserion é transformado em um dragão de gelo.
“O que é legal nessa sequência, de um jeito ruim para nós, é que até o final é muito parecida com uma daquelas batalhas em que todos os caras bonzinhos ficam de um lado, mais ou menos ilesos. Mas sabíamos que matando o dragão teria um impacto emocional tremendo, porque temporada após temporada o significado deles para Dany foi bem enfatizado. Sabíamos que o Rei da Noite veria e aproveitaria essa oportunidade”, disse Weiss.
“Por um lado você acabou de ver uma destas três criaturas incríveis do mundo indo debaixo d’água e fica processando isso. E então você começa a compreender algo ainda pior, que é quando ele volta e vemos o último takedo episódio, com a transformação dele”, explicou.
Assista ao Inside the Episode de “Beyond the Wall” a seguir.
Game of Thrones é exibida aos domingos pela HBO, às 22 horas.