sábado, 6 de fevereiro de 2016

Editor chefe da Marvel fala sobre “Guerra Civil 2”

Uma das sagas de maior sucesso da Marvel Comics ganhará continuação em maio.
“Guerra Civil 2” promete um novo conflito no mundo das HQs, e o editor-chefe Axel Alonso falou sobre a expectativa do lançamento em entrevista ao site Comic Book Resources.
Alonso comentou primeiro a decisão de colocar o Homem de Ferro contra a Capitã Marvel, Carol Danvers, dividindo duas facções de heróis por um dilema moral: usar ou não um personagem que tem o poder de antever crimes antes que eles aconteçam e, assim, identificar futuros criminosos.
“Capitã Marvel não foi escolhida logo de cara. Nem Tony. Nós deixamos que a história nos guie. Este conflito envolve dois lados com pontos de vista claros, compreensíveis e defensáveis. Precisávamos achar dois personagens que tivessem o peso e a força de liderar isso, e Carol e Tony se encaixam, em termos de personalidade e de poderes”, disse ele.
guerra-civil-2-capa-1
“Todo o trabalho que temos feito com Carol nos últimos anos a posicionam para este momento. Quando você ler a vindoura Captain Marvel #1, você verá que ela se tornou extremamente poderosa e influente no Universo Marvel. Ela agora preside a nova Tropa Alfa e, para todos os efeitos, a equipe é a primeira linha de defesa da Terra contra ameaças de longe. Esse novo papel coloca essa diretamente no centro de Guerra Civil II”, completou.
Ele também falou sobre uma possível morte que acontecerá na história. “Essa morte, que alguns chamariam de assassinato, é o desdobramento natural de uma cena de tensão crescente, que vira a história de cabeça para baixo. Vários fãs que já tenham um lado na disputa podem mudar de opinião, acredite”, declarou. 
Bendis Michael Bendis é o roteirista e David Marquez o desenhista. Ainda não se sabe se esta saga também será adaptada para o cinema, e nem quando será publicada no Brasil.
“Capitão América: Guerra Civil” estreia nos cinemas em 5 de maio de 2016.

Via: Overdose News