quarta-feira, 15 de julho de 2015

Que curso eu faço: Jornalismo

Como vocês devem saber, estou me formando em Jornalismo. Escolhi o curso porque sempre gostei de ler, de escrever, e de aprender coisas novas. Sempre fui curiosa com tudo, desde história, política, economia, até astronomia, medicina, nutrição etc.
Quem se interessa por jornalismo deve, em primeiro lugar, gostar de descobrir coisas novas e de repassá-las para outras pessoas. É isso o que o jornalista faz: relata histórias, acontecimentos, assuntos de interesse público.

Por ser uma área da comunicação social, o profissional atua desde a criação, produção e veiculação de reportagens, artigos e crônicas. O Jornalista também trabalha com conteúdo profissional de organizações públicas, privadas e do terceiro setor, transformando suas informações institucionais em verdadeiras notícias interessantes e atingindo o público alvo, sendo responsável pela comunicação corporativa e interna de empresas de diversos setores.
Por um ano, fiz estágio na UFSCar (Universidade Federal de São Carlos), na seção de Comunicação da universidade. E o trabalho funciona da mesma forma que na redação de um jornal, por exemplo. A diferença é o conteúdo produzido: notícias da própria UFSCar, cobertura de eventos que acontecem lá. E ainda fazendo a parte de Assessoria de Imprensa, atendendo a imprensa da região que procura a universidade para algum esclarecimento, solicitação de entrevista, entre outras coisas.

O profissional jornalista pode trabalhar em rádios, jornais, televisão, revista, internet e em agências de assessoria de imprensa, trabalhando com apuração de notícias através de fontes, ou com a produção da redação, e por fim, pode ser responsável por contatos diretos com meios e veículos de comunicação, trabalhando lado a lado com um plano midiático para que a notícia seja publicada da maneira mais eficiente.

O aluno aprende tanto o domínio das teorias e linguagens jornalísticas quanto a prática necessária para a qualificação profissional.
A grade curricular reúne disciplinas teóricas e práticas. Há Teoria do Jornalismo, Teoria da Comunicação, Filosofia, Sociologia, Fundamentos de Economia, História da Comunicação, Psicologia, Fotojornalismo, Redação para Jornalismo, Produção Gráfica.
A partir do terceiro ano as disciplinas ficam mais práticas, com Radiojornalismo e Telejornalismo, por exemplo. É claro que isso varia de acordo com cada faculdade.

Onde estudo, temos a Semana da Comunicação, a Secom, que é uma semana de palestras e atividades especiais para os cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda.
A diferença entre Jornalismo e P&P é que os publicitários realizam pesquisas de mercado, abrangendo público-alvo, mídia e concorrência, desenvolvendo a partir daí estratégias de marketing, planejamento de comunicação e campanhas publicitárias, podendo também produzir eventos e ações especiais.

Entre vários trabalhos que fizemos, está o Jornal Universitário, do qual eu fui âncora. Haha


Também fazemos jornais impressos. Confira a seguir um deles.

É um curso que abre sua mente e te faz ver as coisas de uma forma diferente, pois um dos principais lemas do jornalismo é a ética e a imparcialidade, para tratar sempre um mesmo fato analisando todos os lados da história.
E é uma área muito ampla. No mercado de trabalho há várias funções que esse profissional pode exercer.

Espero que tenham gostado de saber um pouco mais sobre Jornalismo.
Deixe nos comentários quais outros cursos você tem interesse, ou o que você estuda.  :)

Até a próxima!