terça-feira, 5 de maio de 2015

Detalhes - Priscila Muniz e Wanick Correa

A partir de um sonho, o ilustrador Wanick Correa e a pedagoga Priscila Muniz, moradores de Campo Grande, criaram um romance em quadrinhos. "Detalhes" foi publicado em dezembro de 2014. O trabalho com ilustrações em preto e branco tem 250 páginas e conta a vida de dois personagens, Luiz e Lúcia.

O casal se conheceu ainda na infância, aos 11 anos de idade na escola, e depois de anos separados se reencontraram em 2008. Eles se casaram em 2009 e hoje têm uma filha, Beatriz.

O casal trabalhou por aproximadamente um ano e meio na obra. Durante o processo de criação, Priscila se dedicou ao roteiro e Wanick se voltou para a ilustração.
“Detalhes” conta a história da jovem Lúcia, que vivia muito bem praticamente sozinha no sítio do seu avô com seu cãozinho. Até o dia que ele volta de uma longa viagem e diz que a levaria para uma nova casa, com uma nova família. Lá, ela descobre que terá de conviver com certas regras e conhece Luiz, um rapaz que conhecia mas não se lembrava, da sua infância. E aos poucos, eles vão descobrindo os reais motivos para Lúcia estar naquela estranha casa.

"Esta obra  é a realização de um sonho em dois sentidos da palavra. Há alguns anos, minha amada esposa, Pri Muniz, teve uma espécie de pesadelo instigante, vívido feito uma experiência real. Ao acordar, narrou-me toda a trama de maneira cinematográfica e, por insistência dela, adaptei toda a história para a linguagem dos quadrinhos. É certo dizer que acrescentei alguns “ingredientes e temperos” ao longo do processo de feitura do roteiro e desenhos, assim como personagens e situações, mas a essência está ali, imaculada, do jeito que ela sonhouPor outro lado, celebro a realização do sonho de produzir e publicar um romance em quadrinhos, trilhando um caminho especial como criador de histórias com um pé na realidade e o outro na fantasia.
Aproveite a leitura e saiba que tudo foi feito com muito apreço. O meu desejo é despertar o autor principiante que há aí dentro de você e motivá-lo a, assim como eu, fabricar e divulgar quadrinhos seja com meios próprios, pedindo dinheiro no sinal, com financiamento coletivo ou até mesmo fundos de investimentos culturais. O importante é publicar", declarou Wanick.
Imagem: Divulgação
O primeiro capítulo está disponível para leitura no Issuu e esta à venda na MonkixPara mais informações, acesse o site oficial da obra.